quinta-feira, 28 de março de 2013

Is that the sort of man I am now? Am I rude? Rude and not ginger

*** SPOILERS, como diria River Song. Se você não viu a saga do Doctor 10 até o fim, o risco é todo seu! ***

E eu me vejo obrigada a falar de Doctor Who novamente.
A série realmente me pegou pelos cabelos e não dá mais pra parar. É inacreditável a capacidade dessa série de te deixar insatisfeito, nostálgico e ao mesmo tempo sempre querendo ver mais.
Nine and Ten
O Doctor 10 é incrível, e no começo eu me senti quase uma traidora por gostar tanto dele, afinal, eu tinha acabado de dizer adeus ao Doctor 9, de quem eu ainda sinto falta (já cheguei a rever alguns episódios da 1ª temporada pra matar a saudade). Acho que o Doctor 10 me mostrou mais profundamente qual a sina de um Time Lord. A solidão, o peso da responsabilidade, a tristeza de sempre ter que dizer adeus, tanto para seus companheiros de viagem quanto para si mesmo. Não é à toa que o 9 estava tão triste por ter que partir.

quarta-feira, 13 de março de 2013

O povo do Ártico, com uma mistura de terror e orgulho, chama o fenômeno de... Pó de Diamante!

Os Cavaleiros do Zodíaco foi o meu primeiro anime. Pelo menos o primeiro que eu sabia que era anime (ou passei a saber) enquanto assistia. Eu voltava correndo da escola só pra ver Cavaleiros e tenho quase tudo gravado da Manchete em VHS ainda.
Cavaleiros foi um desenho especial, um começo. Foi mágico.